Assine nosso site

Receba nossas publicações em seu email.

Junte-se a 8.544 outros assinantes

Estudo da quinta feira. Tema: Alpinistas de Cristo

QUER RECEBER ARTIGOS INFORMATIVOS, ESTUDOS BÍBLICOS, REFLEXÕES, SERMÕES E CURSOS GRATUITOS TODA SEMANA EM SEU WHATSAP?

Entre no grupo do Professor Josias Moura agora e receba todos estes recursos gratuitamente.

ALPINISTAS DE CRISTO

Quebra-gelo: Você já pensou em ser um alpinista?

Texto: Salmo 121.1-8

Introdução: Num sentido figurado podemos comparar os cristãos com três tipos de pessoas: desistentes, campistas e alpinistas. Os Desistentes seriam aqueles que têm dificuldade em suportar o peso das provas. Julgam-se injustiçados, dão várias desculpas e estão sempre na posição de vítimas. Frustram-se facilmente. No início eles têm lindos sonhos e projetos, mas na primeira adversidade desistem de seus planos. Os Campistas são aqueles que olham para a montanha, mas no lugar de enfrentá-la, se acomodam onde estão e ali armam suas barracas. Estão satisfeitos com o que conquistaram e param de avançar. É o caso da grande maioria. Porém, os alpinistas são aqueles cristãos valorosos que não desistem por nada, olham para a montanha, desarmam suas barracas e avançam cada vez mais a fim de superar seus próprios limites. Você é um alpinista de Cristo?

1 – OS ALPINISTAS DE CRISTO SÃO PESSOAS DE FÉ – Hb 11.6 – Rm 10.17

Os alpinistas são bem equipados, tem paciência, preparo físico, emocional e são perseverantes. Estão sempre desafiando seus próprios limites. Corajosos os alpinistas depositam toda sua segurança em apenas um grampo ou em uma corda. Firmados nisto, estão sempre dando o máximo de si para o próximo passo. Assim também podemos dizer que “os alpinistas Cristo” depositam toda a sua fé nas promessas registradas nas Escrituras Sagradas e estão sempre se esforçando para agradar a Deus e avançar um pouco mais na carreira cristã.

2 – OS ALPINISTAS DE CRISTO BUSCAM A SANTIDADE – Hb 12.1-2

O alpinista sabe que terá que deixar para trás o que é inferior e todo peso inútil. E que, com força e perseverança, conseguirá atingir seu objetivo. ”Levantarei os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro” – este conhecido versículo descreve a ligação entre o ser humano e o Deus da montanha. O homem a que este salmo se refere sabe que de forma natural está muito distante das alturas. A montanha que toca o céu é símbolo da força celestial mais elevada e esta força aumenta na medida em que nos aproximamos de Deus através de uma vida de santidade. Quanto menos de si, mais cheios de Deus (Jo 3.30). Os alpinistas de Cristo vivem se livrando do peso do pecado para subir mais e mais no degrau da unção.

3 – O ALPINISTA DE CRISTO SABE O VALOR DE APROXIMAR-SE DE DEUS – Sl 73.28

A Bíblia fala muito de montanhas. Moisés recebeu de Deus as tábuas da lei numa montanha. Foi num monte que Jesus reuniu seus discípulos para transmitir-lhes o sermão da montanha. A montanha serve de orientação, ela é um local de força, um ponto de encontro com o Altíssimo. Quem já escalou montanhas conhece a sensação de sentir-se pequeno diante da imensidão de um gigante. O desafio atrai o alpinista. A sede de Deus faz do cristão um alpinista. O alpinista de Cristo quer estar cada vez mais próximo Deus.

Conclusão – Muitos gostam de caminhar pelas montanhas, outros de escalar as mais altas, outros não querem nada. Nessa analogia, você se sente um desistente? Ou um campista acomodado? Ou você é ou deseja ser um alpinista na fé que vive agradando a Deus e superando limites? Por que os alpinistas se sentem atraídos pelos cumes? Por galgar alturas cada vez maiores! Neste simbolismo a montanha é um lugar especial de manifestação da glória de Deus ao Seu povo. Você quer viver a glória de Deus?

ALPINISTAS DE CRISTO

Quebra-gelo: Você já pensou em ser um alpinista?

Texto: Salmo 121.1-8

Introdução: Num sentido figurado podemos comparar os cristãos com três tipos de pessoas: desistentes, campistas e alpinistas. Os Desistentes seriam aqueles que têm dificuldade em suportar o peso das provas. Julgam-se injustiçados, dão várias desculpas e estão sempre na posição de vítimas. Frustram-se facilmente. No início eles têm lindos sonhos e projetos, mas na primeira adversidade desistem de seus planos. Os Campistas são aqueles que olham para a montanha, mas no lugar de enfrentá-la, se acomodam onde estão e ali armam suas barracas. Estão satisfeitos com o que conquistaram e param de avançar. É o caso da grande maioria. Porém, os alpinistas são aqueles cristãos valorosos que não desistem por nada, olham para a montanha, desarmam suas barracas e avançam cada vez mais a fim de superar seus próprios limites. Você é um alpinista de Cristo?

1 – OS ALPINISTAS DE CRISTO SÃO PESSOAS DE FÉ – Hb 11.6 – Rm 10.17

Os alpinistas são bem equipados, tem paciência, preparo físico, emocional e são perseverantes. Estão sempre desafiando seus próprios limites. Corajosos os alpinistas depositam toda sua segurança em apenas um grampo ou em uma corda. Firmados nisto, estão sempre dando o máximo de si para o próximo passo. Assim também podemos dizer que “os alpinistas Cristo” depositam toda a sua fé nas promessas registradas nas Escrituras Sagradas e estão sempre se esforçando para agradar a Deus e avançar um pouco mais na carreira cristã.

2 – OS ALPINISTAS DE CRISTO BUSCAM A SANTIDADE – Hb 12.1-2

O alpinista sabe que terá que deixar para trás o que é inferior e todo peso inútil. E que, com força e perseverança, conseguirá atingir seu objetivo. ”Levantarei os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro” – este conhecido versículo descreve a ligação entre o ser humano e o Deus da montanha. O homem a que este salmo se refere sabe que de forma natural está muito distante das alturas. A montanha que toca o céu é símbolo da força celestial mais elevada e esta força aumenta na medida em que nos aproximamos de Deus através de uma vida de santidade. Quanto menos de si, mais cheios de Deus (Jo 3.30). Os alpinistas de Cristo vivem se livrando do peso do pecado para subir mais e mais no degrau da unção.

3 – O ALPINISTA DE CRISTO SABE O VALOR DE APROXIMAR-SE DE DEUS – Sl 73.28

A Bíblia fala muito de montanhas. Moisés recebeu de Deus as tábuas da lei numa montanha. Foi num monte que Jesus reuniu seus discípulos para transmitir-lhes o sermão da montanha. A montanha serve de orientação, ela é um local de força, um ponto de encontro com o Altíssimo. Quem já escalou montanhas conhece a sensação de sentir-se pequeno diante da imensidão de um gigante. O desafio atrai o alpinista. A sede de Deus faz do cristão um alpinista. O alpinista de Cristo quer estar cada vez mais próximo Deus.

Conclusão – Muitos gostam de caminhar pelas montanhas, outros de escalar as mais altas, outros não querem nada. Nessa analogia, você se sente um desistente? Ou um campista acomodado? Ou você é ou deseja ser um alpinista na fé que vive agradando a Deus e superando limites? Por que os alpinistas se sentem atraídos pelos cumes? Por galgar alturas cada vez maiores! Neste simbolismo a montanha é um lugar especial de manifestação da glória de Deus ao Seu povo. Você quer viver a glória de Deus?

Josias Moura de Menezes

É formado em Teologia, Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Licenciatura em Matemática. É especialista em Marketing Digital, Produção Audiovisual para Web, Tecnologias de Aprendizagem a Distância, Inteligência Artificial, Jornalismo Digital e possui Mestrado em Teologia. Atua ministrando cursos de capacitação profissional e treinamentos online em diversas áreas. Para mais informações sobre o autor <clique aqui>.

Compartilhe esta mensagem

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Print
Email

FAÇA NOSSOS CURSOS DE CAPACITAÇÃO A DISTÂNCIA GRATUITOS

Livre

Capacitação em Gestão do Tempo, Planejamento Pessoal e Produtividade – Gratuito

Livre

Capacitação em Como preparar e transmitir mensagens bíblicas – Gratuito

Livre

Capacitação em Bibliologia – Como a Bíblia chegou até nós – Gratuito

ADQUIRA NOSSAS BIBLIOTECAS DIGITAIS

Show Comments (0)

Deixe uma resposta